Exportar versus investir
Home Dissertações

Exportar versus investir

Exportar versus investir - Análise das transações no Brasil sob a ótica da teoria dos custos de transação

Ronald de Oliveira Concer

Orientador(a): Frederico Turolla

Este estudo objetiva a análise das principais transações realizadas por empresas baseadas no Brasil em relação ao mercado internacional. Tal análise, realizada com base na Teoria dos Custos de Transação (ECT) de Oliver Williamson (1985) e sua teoria análoga em negócios internacionais – Teoria da Internalização, de Bukcley e Casson (1976). Neste trabalho, foi proposto um modelo para quantificar os parâmetros da Teoria dos Custos de Transação, a saber,  Especificidade de Ativos, Incerteza e Frequência, a partir das 100 principais transações realizadas no Brasil listadas no ano de 2010 pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Em especial, procurou-se analisar estas transações pela escolha entre investir no exterior ou por vias de exportação. As hipóteses do trabalho conjecturam, a partir da literatura em questão, a escolha pelo investimento direto em caso de ocorrência de custos de transação elevados. Já pelo contrário, em caso de baixa existência de custos de transação, a transação deve ser internacionalizada a partir da exportação. O modelo de regressão logística indicou, com 84 questionários coletados, a confirmação das hipóteses 1 e 2, que apontam para a relevância dos fatores especificidade de ativos e frequência das transações como parâmetros para a escolha entre o investimento ou exportação