Comunicação, consumo e percepção da periferia
Home Dissertações

Comunicação, consumo e percepção da periferia

Comunicação, consumo e percepção da periferia: A representação da cena urbana do bairro de Itaquera a partir das narrativas dos operários que trabalham na construção da Arena Corinthians

Daniel Sena Serafim

Orientador(a): Prof. Dr. Luiz Peres Neto

Esta dissertação propõe o estudo sobre as transformações no bairro de Itaquera a partir das narrativas dos operários que trabalham na construção da Arena Corinthians. O local escolhido para a abertura da Copa do Mundo de Futebol da FIFA de 2014 passa por transformações físicas e simbólicas, capazes de reorganizar as práticas socioculturais e as representações que os trabalhadores do estádio têm do bairro. Este estudo será direcionado pela linha de pesquisa que aborda os “Processos de recepção e contextos socioculturais articulados ao consumo”, buscando a partir do campo teórico que segue o trânsito da modernidade e pós-modernidade analisar as narrativas dos operários da Arena Corinthians, mapeando os imaginários que estes trabalhadores produzem de Itaquera e interpretando estas percepções a partir do campo da Comunicação e Consumo. A pesquisa está organizada em uma estrutura teórica dividida em duas partes, sendo a primeira o marco teórico dividido em três tópicos: Capítulo 1, contextualizando a modernidade e a presença de seus signos no bairro de Itaquera. No capítulo 2, descrevendo a temática da pós-modernidade e a presença de seus signos no referido bairro e concluindo o marco teórico no Capítulo 3, articulando o entretenimento e as práticas e consumo em Itaquera. A segunda parte desta  dissertação mobiliza o marco empírico, estruturado em dois processos: O primeiro detalha todo o percurso metodológico de construção da pesquisa e o
trabalho de campo. O segundo processo está centralizado nas análises das narrativas dos trabalhadores pelo marco teórico, sintetizando uma reflexão teórica acerca dos autores e conceitos mais determinantes para interpretar a leitura que os operários produzem da cena urbana atual de Itaquera. Com este aporte teórico e empírico, esta dissertação analisará as representações da cena urbana do bairro de Itaquera a partir das narrativas dos operários que trabalham na Arena Corinthians, evidenciando as transformações físicas e simbólicas contextualizadas pela construção do estádio que será palco da abertura da Copa do Mundo de Futebol da FIFA de 2014.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *