Aquisição de competênciatecnológica na Global Value Chain
Home Dissertações

Aquisição de competênciatecnológica na Global Value Chain

Aquisição de competênciatecnológica na Global Value Chain: : O Caso da Bodega Catena Zapata

Luís Eduardo Maturano Cipolla

Orientador(a): Ilan Avrichir

O processo de internacionalização de empresas de economias emergentes, sob o ponto de vista de inserção na Global Value Chain, é objeto de estudo de vários pesquisadores. As empresas buscam a inserção por meio de capacitação para o mercado internacional, utilizando-se de vários mecanismos de Upgrade, dentre eles, melhorias no produto, no processo, ou na ampliação das funções tecnológicas nas atividades da empresa ou inter-setoriais, dentro da cadeia de valores. O objetivo desta dissertação é analisar o mecanismo de Upgrade, usando como Estudo de Caso a empresa Bodega Catena Zapata. Por meio de acumulação de conhecimentos, a empresa agregou valor aos seus produtos e a interpretação desses resultados é apresentada com base na Matriz de Competências, desenvolvida por Sato e Fujita (2009). A empiria foi feita por meio de um estudo de caso único, multinível, em caráter exploratório (YIN, 2005), em uma empresa do segmento de vinhos localizada em Mendoza, Argentina. A principal contribuição desta dissertação está na interpretação dos resultados com o uso da Matriz de Competências de Sato e Fujita (2009) em dois momentos distintos. A avaliação foi elaborada para o estágio que a empresa se encontrava na década de 1990 e no ano 2016, para descrever a evolução da empresa com relação aos processos de acumulação de conhecimentos. Verificou-se que esses processos estão relacionados com a atuação da empresa no mercado internacional que, gradativamente, busca se inserir na Global Value Chain do setor vitivinícola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *